Letra: Joaquim de Araújo Lima

Música: José de Mello e Silva

 

Quando
Nosso céu se faz moldura
Para
Engalanar a natureza
Nós
Os bandeirantes de Rondônia
Nos orgulharmos
De tanta beleza

Como
Sentinelas avançadas
Somos
Destemidos pioneiros
Que
Nestas paragens do poente
Gritam com força
Somos brasileiros!


Nesta fronteira

De nossa pátria
Rondônia trabalha febrilmente
Nas oficinas

E nas escolas

A orquestração empolga toda gente

Braços e mentes

Forjam cantando
A apoteose

Deste rincão
Que com orgulho

Exaltaremos
Enquanto nos palpita

O coração


Azul
Nosso céu é sempre azul
Que Deus
O mantenha sem rival
Cristalino muito puro
E o conserve sempre assim

Aqui
Toda vida se engalana
De beleza tropical
Nossos lagos, nossos rios
Nossas matas, tudo enfim...


 

 

voltar

Voltar

 

 
© 2007 | Site autorizado conforme BI / CMA nº 202, de 25 outubro de 2007
Copyright © 2014 . Todos os direitos reservados.
Joomla! é um Software Livre com licença GNU/GPL v2.0.